9 de junho, 2008

13 jun

Hoje não
Mais ainda existem
Canecas, fumaças, roupas e corpos espalhados

Eu não desperto
Pensamentos em fuga
Intimidade
Tempestuosamente gostosa

Sinais
Marcantes, instigantes, sexy
Alguns desaparecem em dias
E a gostosura está presente
Ao saber que voltarão…

Anúncios

4 Respostas to “9 de junho, 2008”

  1. douglasvelloso 13 junho , 2008 às 8:10 pm #

    Hoje nada mais que uma saudade de um ontem amargurado em pequenas doses.

    Abraços pelo texto…

    D. Velloso

  2. douglasvelloso 13 junho , 2008 às 8:12 pm #

    http://letraspoesia.wordpress.com/

  3. tatisgfernandes 14 junho , 2008 às 12:14 am #

    Ei amigo Douglas, tem blog?

  4. douglasvelloso 16 junho , 2008 às 5:30 pm #

    http://www.letraspoesia.wordpress.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: