Delicinhas, aniversário e pressa alguma

2 jun

Quinta, sexta, sábado e domingo. Festas, reuniões, dançar até o fim, pilha Duracell. Cervejas tantas, vodkas, cachaças e Sedução refrescante. Começou com o sol lindo que fazia mesmo que pela janela distante, fez-se lindo por esses dias, desde o espreguiçar, o dia permaneceu lindo mesmo que nublado. Entusiasmos, risos soltos, muitos queridos por perto, abraços que mudam o dia e certezas de que nada importa a não ser aqueles que fazem jus.

Chuva, fome, olhos pequenos, suor, tosses, olhos fechados. O corpo esguio entre os lençóis, cobertas e travesseiros, cheiros já sentidos, banho quente e pijama, a chuva lá fora continua. Filme delicioso. Começa a anoitecer, música, sons, sussurros, histórias, cachecol e mais histórias, risadas, o tempo passa sem se perceber. O vento ainda sopra contra o rosto, arrepio até a espinha, a pele macia, o corpo esguio e a lentidão dos lençóis, os lábios secos e um estado febril excitante ainda…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: